Área da Medicina Dentária que se dedica aos tecidos que suportam o dente: gengiva, osso e ligamento entre dente e osso.

As limpezas dentárias e as destartarizações são intervenções que, a par de uma boa higiene oral diária, previnem estas situações.

A gengivite é o primeiro sintoma de algo que pode evoluir até à periodontite. Porém, a doença periodontal afeta larga fatia da população adulta por ausência de sintomas iniciais, permitindo que a placa bacteriana deteriore os tecidos que suportam o dente. Os casos mais graves resultam na perda da ligação entre o dente e o osso, e consequentemente, na perda do dente.

A intervenção da periodontologia afeta o bem-estar geral do utente de forma muito direta pois melhora a capacidade de mastigação, a fonética e, não menos importante, o sorriso e auto-estima do utente.
É frequente a necessidade da atuação conjunta da periodontologia com a ortodontia, implantologia, prostodontia e estética dentária. E, por isso, consideramos de extrema importância a formação de equipas multidisciplinares.